Cuidado com a Chikungunya

Foto: Divulgação

O Verão é maravilhoso, mas traz a preocupação com as doenças da estação como a Dengue, Zika, Febre Amarela e Chikungunya. Todas transmitidas pelo mosquito, portanto é necessária atenção especial na prevenção desses insetos.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde do Rio, o grande desafio do Verão de 2019 é a Chikungunya. A maior incidência da doença é na região Metropolitana do Estado, de onde vem a maioria de turistas que visitam a Região dos Lagos.

Bem parecida com a Dengue, a febre Chikungunya é transmitida também pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado. Os sintomas também são bastante semelhantes – febre, mal-estar, dores pelo corpo, dor de cabeça, apatia e cansaço. Mas a grande diferença são as dores nas articulações, causadas pela inflamação.

Não tem um tratamento específico para a Chikungunya e a doença não é letal. Deve-se hidratar o doente e usar antitérmico, mas nunca os que tenham ácido acetilsalicílico, como a Aspirina. No aparecimento dos sintomas, procure orientação médica imediatamente.

10 minutos contra o Aedes Aegypti
Você sabia que com apenas 10 minutos por semana você pode afastar o perigo da chikungunya, dengue e zika?

O mosquito Aedes Aegypti vive dentro de nossas casas, e com uma checagem rápida uma vez por semana, podemos prevenir sua proliferação. Essa rotina precisa ser semanal porque é o tempo que o mosquito precisa para se desenvolver e passar da fase de ovo para a fase de mosquito adulto.

Esses são os cuidados que devemos ter em nossas casas e ambientes de trabalho:
- As caixas de água devem ser tampadas;
- Manter as calhas dos telhados e ralos limpos;
- Manter cobertos galões, toneis, garrafas e qualquer recipiente que armazene água;
- Manter vasos sanitários com a tampa fechada;
- Piscinas devem ser tratadas com produtos químicos;
- Pneus devem ser guardados em lugares cobertos;
- Limpar bandejas de ar condicionado e geladeiras para evitar acúmulo de água;
- Guardar baldes de cabeça para baixo;
- Pratos de plantas devem ficar secos ou com areia.
A prevenção é o melhor remédio!

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS