Boas notícias para começar 2020

Foto: Divulgação

Um texto de Kiko Llaneras, em sua newsletter no El País (https://plus.elpais.com/newsletters/lnp/1/377), mostra que temos bons motivos para ter esperança de um mundo melhor. Mesmo com tanta injustiça, guerra e violência, ainda podemos acreditar.

Vejam parte da lista feita pelo Kiko que mostra que o mundo progrediu e o quanto já avançamos. Que venham mais boas notícias!

VIVEMOS VIDAS MAIS LONGAS. A expectativa de vida passou de 48 a 72 anos desde 1950. Somente desde o ano 2000, aumentou 6 anos em todo o mundo e 10 anos na África, onde a expectativa de vida para um recém-nascido passou de 53 a 63 anos. | OWiD

MORREM MENOS CRIANÇAS. Em 1960 uma em cada cinco crianças morria antes de completar cinco anos; agora sobrevivem 24 de cada 25. | Nature

AS PESSOAS VIAJAM MUITO MAIS. O número de turistas se multiplicou por sete nos últimos 45 anos. A Europa é o primeiro destino, mas a mudança na Ásia foi espetacular: o continente passou de receber 6 milhões de viajantes a receber 340 milhões. | OWiD

OS AVIÕES SÃO 500 VEZES MAIS SEGUROS. Os mortos em acidentes aéreos passaram de 5 para cada milhão de voos nos anos setenta, a 1 por milhão de voos nos noventa e apenas 0,01 em 2017. | OWiD

A POBREZA EXTREMA NÃO PARA DE CAIR. Nos últimos 30 anos, a porcentagem de pessoas que vivem em condições de pobreza extrema se reduziu a um quarto: passou de 36% em 1990 a 9% em 2018. Em números absolutos passou de 1,9 bilhão a 610 milhões. No Brasil, que reduziu a pobreza fortemente até 2015, o número de miseráveis voltou a crescer desde então, mas a velocidade dessa alta vem caindo. | ODI

ESTAMOS MAIS EDUCADOS. O analfabetismo caiu de 44% a 15% nos últimos 30 anos, segundo dados da OCDE e da Unesco. | EL PAÍS

O NÚMERO DE DEMOCRACIAS CONTINUA AUMENTANDO. Entre 2008 e 2018 seu número passou de 90 a 97, incluindo quatro países que eram democracias pela primeira vez: Burkina Faso, Myanmar, Armênia e Malásia. | IDEA

CASAMENTO GAY CRESCE NO BRASIL EM MEIO À ONDA CONSERVADORA. Os casamentos civis entre pessoas do mesmo sexo dispararam em 2018 (9.520 casais) contra 2017 (5.887), aumento de 61,7%, segundo o IBGE. O casamento homaofetivo responde por 0,9% do total de uniões registradas no país | Valor Econômico

MAIORIA DE NEGROS NAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS NO BRASIL. Em novembro, o instituto brasileiro de estatísticas , revelou que o número de matrículas de estudantes negros e pardos nas universidades e faculdades públicas no Brasil ultrapassou, pela primeira vez, o de brancos: foram 50,3% da população em 2018. Ainda estão sub-representados (sãpo 55,8% da população), mas mostra o sucesso da política de cotas | EL PAÍS

HÁ PAÍSES EUROPEUS QUE ESTÃO RECICLANDO QUASE 100% DO PLÁSTICO USADO EM SUAS EMBALAGENS. Ocorre na Áustria, Alemanha, Bélgica, Holanda e Noruega, mas na Espanha só dois terços são reciclados. A porcentagem reciclada passou de 59% em 2007 a 67% em 2016. | Eurostat

O BRASILEIRO NUNCA LEU TANTO. Os dados do Retratos da Leitura no Brasil mostram população leitora do país subiu de 50% para 56% entre 2011 e 2015, de acordo com o relatório mais recente (uma atualização do levantamento deve ser publicada em 2020). | EL PAÍS

CADA VEZ MAIS BICICLETAS! O número de cidades com serviço de bicicletas compartilhadas duplicou desde 2014 e o número de bicicletas se multiplicou por 20. | Business Insider

HÁ MENOS SUICÍDIOS NO MUNDO. Caíram 30% desde 1994, deixando a taxa em 10 suicídios para cada 100.000 pessoas. A melhora ocorreu principalmente no Japão, China e Rússia. | Beautiful News

O MUNDO JÁ PRODUZ MAIS PEIXES EM CATIVEIRO DO QUE COM CAPTURAS. A produção em pisciculturas cresceu exponencialmente desde os anos setenta, passando de 3 milhões de toneladas a 106 milhões de toneladas. | OWiD

SER POSITIVO TE MANTÉM JOVEM? Ainda que me pareça duvidoso, é o que diz um estudo recente: os otimistas têm vidas de 10% a 15% mais longas, mesmo depois de controlar por seu nível socioeconômico

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS